Adolescentes – Lição 05: Honestidade a toda prova – Aula Dinâmica

0
Professoras e professores, observem estas orientações:
1 – Antes de abordar o tema da aula,
é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
– Cumprimentem os alunos.
– Perguntem como passaram a semana.
– Escutem atentamente o que eles falam.
– Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
– Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 – Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
3 – Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email.
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associada a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, vocês iniciam o estudo do tema.
– Falem: A lição de hoje tem como tema Honestidade.
– Trabalhem os itens propostos na lição.
– Para concluir, utilizem a dinâmica “Mentira tem perna curta”.
Tenham uma produtiva e excelente aula!

Dinâmica: Mentira tem perna curta

Objetivo: Refletir e sensibilizar os alunos para que sejam praticantes da honestidade.

Material:
01 cópia do texto “Mentira tem perna curta” para cada aluno
01 caixa de presente
01 cartão para cada aluno contendo o versículo de Fp 4.8 digitado
01 bala para cada aluno que será fixado no cartão

Procedimento:
– Escrevam no quadro a frase “Mentira tem perna curta” e perguntem o que significa ou solicitem que os alunos contem uma situação que conhecem que pode ilustrar esta frase.
Aguardem as respostas.
– Depois, falem: Vamos conhecer uma situação que ocorreu com um casal de namorados. Leiam o texto abaixo.

Texto de Reflexão: Mentira tem perna curta
Um casal de namorados estava passeando numa rua comercial. A moça, olhando a vitrina de uma loja de artigos japoneses, ficou encantada com um lindo vaso. Seu namorando foi indagar o preço daquele objeto. Tratava-se uma peça caríssima, totalmente fora de seu orçamento.
Porém, ao correr os olhos pela loja, notou que havia um vaso igualzinho, mas quebrado. Foi quando teve uma ideia. Após deixar a namorada em casa, voltou à loja e pediu ao dono que embrulhasse aquele vaso quebrado. Deu-lhe uma gorjeta qualquer e levou o vaso todo embrulhado. Sua ideia era tornar a namorada feliz, fazendo-a pensar que ele lhe dera um presente tão caro e, quando chegasse à casa da moça, iria simular um tombo e dizer que o vaso havia se partido naquele momento.
E fez tudo conforme planejara. A namorada acreditou até desembrulhar o vaso, quando então constatou a mentira. O dono da loja havia embrulhado cada pedaço do vaso separadamente e, dessa forma, a moça descobriu que o vaso não havia se quebrado naquele momento e que o namorado tentara enganá-la. Ficou muito decepcionada.
Autor desconhecido.
 – Depois, façam a encenação deste texto. Escolham 03 pessoas para representar o rapaz, a moça e o dono da loja.
 – Em seguida, falem: Acabamos de ler uma história de um rapaz que desejou agradar, impressionar sua namorada, com um presente, tentando enganá-la, mas sua desonestidade foi descoberta, pois mentira tem perna curta e se deu mal.
 – Falem: Que tal reformular esta história?
Então, reescrevam a história, observando o princípio da honestidade e façam novamente a encenação. Vocês podem colocar nomes nos personagens.
– Para concluir, apresentem a caixa de presente, abram e mostrem o presente.
Distribuam para cada aluno o cartão com o versículo abaixo e uma bala fixada nele.
Depois, peçam para que todos os alunos leiam o versículo:
“Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai” (Filipenses 4:8).


Por Sulamita Macedo.

Deixe uma resposta! Seu comentário é relevante!