Android P: entenda como funciona a bateria adaptativa

Google aplica inteligência artificial para diminuir o consumo de energia em até 30%.

 Por Filipe Garrett, para o TechTudo

Próxima versão de sistema, o Android P (9) terá uma forma nova de calibrar o consumo da bateria do celular. Usando inteligência artificial, o recurso chamado de bateria adaptativa buscará mapear os hábitos de uso do usuário para interpretar melhor quais são as demandas feitas ao aparelho. Segundo o Google, ele será capaz de detectar apps que são menos abertos e características de uso que podem levar a ganhos de eficiência da ordem de 30%.

A nova funcionalidade foi apresentada pelo Google durante a edição 2018 da I/O, conferência anual do Google voltada a desenvolvedores.

Controle de bateria adaptativa no Android P (Foto: Nicolly Vimercate / TechTudo)Controle de bateria adaptativa no Android P (Foto: Nicolly Vimercate / TechTudo)

Controle de bateria adaptativa no Android P (Foto: Nicolly Vimercate / TechTudo)

A nova tecnologia do Android P funcionará basicamente mapeando seus hábitos de uso do celular, listando, por exemplo, quais são os aplicativos que você usa menos, ou em ocasiões separadas por longos intervalos de tempo.

O chefe de engenharia do Android, Dave Burke, explicou que a ferramenta “vai aprender quais apps você vai usar nas próximas horas e quais você vai usar depois”. A partir daí, um mecanismo de inteligência artificial julgará quais destes aplicativos podem ser desligados sem causar prejuízo para a experiência de uso.

O Google deu o seguinte exemplo: se você usa pouco o Instagram, a tecnologia de bateria adaptativa vai colocar o app na geladeira para que ele não fique rodando em segundo plano. Desta forma, a rede social de fotos ficará incapaz de sobrecarregar o sistema, o que acarretaria em aumento também do consumo de energia.

Outro aplicação pode até incidir sobre apps que você usa diariamente. Supondo que você abre o seu email pela manhã e novamente apenas à noite, a inteligência artificial do Android P poderá entender o recado, e desligar o app de email nesse intervalo.

Android P usará inteligência artificial para economizar até 30% mais bateria (Foto: Reprodução/YouTube)Android P usará inteligência artificial para economizar até 30% mais bateria (Foto: Reprodução/YouTube)

Android P usará inteligência artificial para economizar até 30% mais bateria (Foto: Reprodução/YouTube)

Nas contas do Google, o esforço pode levar a economia de 30%, dada a redução das constantes intervenções de apps que “acordam” o processador frequentemente para rodar atividades como buscar novas notificações, mensagens etc.

Inteligência artificial também no brilho da tela

O Google divulgou o brilho adaptativo durante o Google I/O. Segundo a empresa, a inteligência artificial vai aprender quais são os horários e situações em que você precisa de mais brilho na tela. A compreensão dos hábitos permitirá ao smartphone ajustar a intensidade da iluminação do display levando em consideração as preferências do usuário.

Com informações: Pocket Lint 

Android: quatro dicas para aumentar a duração da bateria

Android: quatro dicas para aumentar a duração da bateria

Deixe uma resposta! Seu comentário é relevante!

%d blogueiros gostam disto: