Pré-adolescentes – Lição 10: Não Desista – Dinâmica

0
Professoras e professores, observem estas orientações:

1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
– Cumprimentem os alunos.
– Perguntem como passaram a semana.
– Escutem atentamente o que eles falam.
– Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
– Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.

2 – Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.

3 – Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou e-mail.
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.

4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.

5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associada a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!

6 – Agora, vocês iniciam o estudo do tema.
– Falem: A lição de hoje tem como título “Não Desista”.
– Em seguida, leiam o texto “Tudo é uma questão de escolha” e reflitam com os alunos sobre a lição que o texto nos traz: não desistir diante das dificuldades.
– Trabalhem os pontos levantados na lição, sempre de forma participativa.
– Depois, utilizem a dinâmica “Vencendo o Gigante”.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Texto de Reflexão: Tudo é uma Questão de Escolha
Duas rãs brincavam distraidamente e saltitavam dentro de um curral. De repente, num desses saltos, caíram ambas num latão cheio de leite. As bordas do latão eram lisas e altas, não havia a menor possibilidade de saírem dali. Mergulhadas no líquido, não havia como impulsionar o corpo e saltar para fora.
Ao perceber que sua amiga estava quase se afogando, a primeira rã disse:
– Não esmoreça! Continue batendo os braços! Mantenha-se flutuando!
– Não adianta! – respondeu a outra. – Estou exausta! E de que adianta manter-me flutuando se não existe nenhuma maneira de sair daqui?
– Não desista! Mantenha a calma e lute! Enquanto há vida, há esperança! Continue batendo os braços com toda a força!
– Não vale a pena! Estou me cansando e não consigo ver como podemos nos salvar.
Dito isso, parou de se debater, afundou e morreu afogada.
– Não posso desistir – disse a primeira. – Deve haver uma saída. Vou continuar me debatendo. Tenho que me manter viva.
Debateu-se a noite inteira. E debateu-se tanto dentro do leite que este acabou virando manteiga. Agora, sim, apoiada sobre uma base sólida, bastou descansar um pouquinho para fora do latão e recomeçar sua vida sã e salva.
Moral: Tudo é uma questão de escolha e de perseverança diante das dificuldades.
Autor desconhecido.

Dinâmica: Vencendo o Gigante
Objetivo:
Refletir sobre as condições para vencer os obstáculos, os problemas e aflições, as batalhas para vencer o diabo e o mundo etc.

Material:
½ folha de papel ofício e caneta para cada aluno.

Procedimento:
– Entreguem ½ folha de papel ofício para cada aluno.
– Solicitem que cada aluno desenhe uma figura humana de tamanho grande e outra pequena, que representarão um gigante e ele (o aluno), respectivamente.
– Peçam para que o aluno reflita sobre qual o “gigante” que está perturbando sua vida, isto é, aquilo que está causando dor, sofrimento, dificuldade para vencer um obstáculo, batalha contra o diabo etc.
– Em seguida, leiam: I Sm 17. 23, 24,37,40,41,42,48,49.                                                
– Solicitem que desenhem 05 pedras ao lado da figura pequena, que representarão as atitudes que ele dever ter para vencer o gigante (o problema, a dificuldade, o conflito).
Por exemplo: paz, confiança em Deus, oração, jejum, conselho, leitura bíblica, fortalecimento do espírito, estar cheio do Espírito Santo etc.
– Para finalizar, peçam para que os alunos socializem o que escreveram.


Por Sulamita Macedo.

Deixe uma resposta! Seu comentário é relevante!