“Quem criou o sexo não foi o diabo, foi Deus”, lembra sexóloga cristã

Aryanne Marques tem viajado pelo Brasil falando sobre sexo à luz da Palavra

Aryanne Marques. (Foto: Reprodução / Instagram)

Se foi Deus quem criou o sexo, por que as igrejas tratam o assunto como tabu? Quem passou por todos os corredores da 15ª Expo Cristã viu um estande pequeno com um grande cartaz da sexóloga Aryanne Marques.

Simpática e muito comunicativa, ela mostrava seu trabalho como palestrante para líderes evangélicos e ainda comercializava produtos sensuais.

Muitas pessoas se interessaram e entraram no estande. Outras fizeram careta e acharam que ela não deveria estar em um evento evangélico.

Aryanne sabe que existe preconceito dos evangélicos com a sua profissão, tanto que ela estudou sexologia por cinco anos escondida da sua igreja.

“As pessoas se assustam, mas a gente vai conhecendo a palavra e entendendo. A Bíblia diz ‘conhecereis a verdade e ela vos libertará’ e é conhecendo a verdade que a gente se liberta. Salmo diz ‘quando ocultei os meus pecados, apodreceram os meus ossos’ e tem muita gente ocultando o pecado”.

Ela revela que há muita ligação de problemas sexuais com suicídio. Homens e mulheres que sofrem e não sabem onde procurar ajuda para estes problemas e as igrejas anda velam esses temas, tornando ainda mais difícil conseguir apoio.

Aryanne também estudou teologia e trata o assunto sexo dentro da Palavra de Deus. “Falo de intimidade à luz da Bíblia sem negociar princípios. Prezo pela base que o Senhor criou”.

Isso quer dizer que ela fala de sexo para casados. Homem e mulher.

A sexóloga iniciou um canal no Youtube para falar diretamente com evangélicos que estão com problemas nessa área e por conta deste trabalho, ela passou a ser convidada para ministrar em igrejas, congressos e dar palestras em todo o Brasil.

Foi em uma dessas palestras que ela conheceu Adriana Barros, da Rede do Bem Group, organizadora da Expo Cristã, que fez o convite para que ela estivesse na feira deste ano.

“Eu costumo brincar: quem criou o sexo? Deus ou o diabo? Foi Deus e a gente tem que viver o melhor disso porque é a criação dele para os casados”.

“É desafiador [falar sobre sexo na igreja]. Às vezes a pessoa me trata mal, às vezes ela me julga, mas eu vou dentro da Bíblia porque uma coisa é a pessoa ir contra a minha opinião, mas contra a Palavra do Senhor não dá para ela falar nada”, disse.

Ela cita o texto de Eclesiastes 9:9 que diz: “Goza a vida com a mulher que amas, todos os dias da tua vida vã, os quais Deus te deu debaixo do sol, todos os dias da tua vaidade; porque esta é a tua porção nesta vida, e no teu trabalho, que tu fizeste debaixo do sol”.

Em seu entendimento, a Bíblia diz que o sexo é a boa porção para os casados. E ela tem focado seu trabalho em mostrar aos cristãos que faz parte da plano de Deus que o casal tenha prazer.

Mudanças hormonais, traumas, problemas de disfunção, entre outros podem impedir que o casal viva esse prazer e, além de oferecer informações para ajudar essas pessoas, ela também oferece produtos para auxiliar como géis lubrificantes, produtos para ejaculação precoce e outros.

“Precisamos quebrar o tabu: quem criou o sexo não foi o diabo, foi Deus”, revelou ela ao dizer que não trata de produtos de sex shop para não ferir seus princípios e que trabalha com uma marca que só oferece produtos feitos com produtos naturais que não causam alergia.

Aryanne entende que é necessário falar cada vez mais sobre o assunto nas igrejas, pois não é admissível ver casais cristãos se separando por traição, um problema que, para ela pode ser evitado quebrando os preconceitos sobre sexo dentro do casamento.

“O sistema neural do homem funciona assim: quando eu chego em casa com muita fome eu como pouco ou muito? Muito. Com fome a gente come muito. Mas se eu estou saciado e saio na rua e alguém me oferece um sanduíche ou uma batata eu vou recusar. Assim é o sistema neural do homem”.

Ela ensina que pelo sistema neural do homem ele só consegue se sentir amado e saciado através do sexo.

“Deus criou o homem assim. Tem coisas que a gente só vai entender no céu. Precisamos trabalhar para que haja equilíbrio entre homens e mulheres”, completou.

Fonte: Gospel Prime

EBD Em Foco

Faça um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

×