fbpx

Subsídio Lição 9 – O Reinado de Davi 

No hebraico, a palavra “chefe” é nagid; fala de alguém que é líder, um capitão, um superintendente. Davi como líder sabia atrair as pessoas para perto de si, como também orientá-las.

4º Trimestre de 2019

EBD Em Foco

ESBOÇO GERAL
I – DAVI É CONSTITUÍDO REI
II – A CONSOLIDAÇÃO DO REINO DE DAVI
III – A GRANDEZA POLÍTICA DO REINADO DE DAVI 

DAVI COMO PASTOR E CHEFE

Osiel Gomes

Antes de ser rei, Davi tinha sido ungido por Samuel. Antes de lutar contra Golias, ele já tinha travado lutas com animais ferozes e vencido por meio da fé em Deus. Antes de chegar ao trono, já fora provado e aprovado pelo povo como um grande guerreiro. Por isso, não foi à toa o que as mulheres cantavam ao seu respeito: “Saul feriu os seus milhares, porém Davi, os seus dez milhares” (1 Sm 18.7). 

Nos tempos dos reis de Israel, eles eram metaforicamente denominados pastores, pois tinham a missão de proteger, nutrir e lutar pela nação que governavam. No aspecto bíblico, lendo Salmos 78.71,72 e Ezequiel 34.23,24, pode-se compreender perfeitamente a missão de um pastor.

A comissão que vai até Davi em Hebrom — a qual representava as tribos do norte, mas, é claro, outros guerreiros, multidões de Judá ali estavam também — afirma para Davi que, antes de ser rei, ele já era considerado chefe, pois entrava e saía com eles nas batalhas militares. No hebraico, a palavra “chefe” é nagid; fala de alguém que é líder, um capitão, um superintendente. Davi como líder sabia atrair as pessoas para perto de si, como também orientá-las. Podemos dizer que, se Davi fosse um homem sem simpatia, sem a capacidade de reunir pessoas, essa multidão jamais teria ido buscá-lo para reinar sobre a nação. 

Deus vai colocar Davi para ser o pastor do seu povo. Observe que pastor, do hebraico, é ra`há, e quer dizer “alimentar, cuidar, apascentar”. Davi não era apenas um chefe mandão, mas um líder amigo, companheiro, que se interessava pelo bem do povo, por isso todos queriam torná-lo rei. Líderes que apenas querem ser chefes, mandar no povo, exigir, cobrar, sem cuidar com verdadeiro amor e carinho, jamais terão o respeito que desejam. 

Teologicamente, no aspecto de ser um pastor à frente do rebanho, devemos seguir o modelo de Pedro — ser pastor do rebanho de Deus não por constrangimento, do grego anagskastos, pela força, obrigatoriamente, mas voluntariamente, espontaneamente, do grego hekousios, ou seja, de acordo consigo mesmo, voluntariamente (1 Pe 5.2). Ele diz ainda que não deve ser como tendo domínio sobre ele, do grego katakurieou, colocar sob seu domínio, seu próprio querer, e não o de Cristo (1 Pe 5.3). 

Todo obreiro deve ter sempre vivo em mente as palavras de Paulo: quem comprou o rebanho foi Deus com o sangue de seu próprio Filho e, assim, nós somos apenas supervisores, curadores, para verificarmos se as coisas estão sendo feitas como deveriam, e não para impor o nosso querer. Esse é o sentido da palavra bispo, que, do grego, é episkopos (At 20.28).

Precisamos entender que um chefe, na visão atual, é uma pessoa que manda, que deve ser temida, que só aponta erros; toda responsabilidade ele coloca sobre a equipe, se vangloria, comanda, impõe. Nesse aspecto, o pastor jamais pode tomar essa palavra para si, pois sua missão não é mandar, cobrar, exigir, mas, sim, supervisionar. Enquanto que o chefe apenas manda, o líder motiva, inspira pessoas, valoriza habilidades, busca benefício para o seu grupo. Um verdadeiro pastor quer sempre o melhor para o rebanho que pastoreia. Isso está bem claro no Salmo 23.

Texto extraído da obra “O Governo Divino em Mãos Humanas”, editada pela CPAD. 

Prezado professor, aqui você pode contar com mais um recurso no preparo de suas Lições Bíblicas de Adultos. Nossos subsídios estarão à disposição toda semana. Porém, é importante ressaltar que os subsídios são mais um recurso para ajudá-lo na sua tarefa de ensinar a Palavra de Deus. Eles não vão esgotar todo o assunto e não é uma nova lição (uma lição extra). Você não pode substituir o seu estudo pessoal e o seu plano de aula, pois o nosso objetivo é fazer um resumo das lições. Sabemos que ensinar não é uma tarefa fácil, pois exige dedicação, estudo, planejamento e reflexão, por isso, estamos preparando esse material com o objetivo de ajudá-lo. 

Videoaula – pastor Osiel Gomes

Faça um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

×